• ASÁGUAS

Aságuas realiza reunião aberta sobre o direito de greve e a reforma administrativa


Uma greve geral de servidores municipais, estaduais e federais está sendo convocada por centrais sindicais para o dia 18 de agosto. A principal reivindicação é a do fim da tramitação da reforma administrativa proposta pelo governo Bolsonaro (PEC 032/20). Segundo as centrais, a mobilização ocorrerá em todo o país.


Nesse sentido, a diretoria da Aságuas decidiu na 37º reunião semanal convidar todos os servidores para participar de reunião aberta que acontecerá segunda-feira próxima, 9 de agosto, às 11h, pelo Teams. A iniciativa busca proporcionar um espaço para que os servidores possam discutir e definir um posicionamento com relação à paralisação do dia 18 de agosto.


Entendendo que essa reforma administrativa proposta pelo governo pode ser muito prejudicial para os servidores e o serviço público de maneira geral, a diretoria da Aságuas convidou o advogado Leandro Madureira, do escritório de advocacia que assessora a Associação, para fazer uma apresentação sobre a PEC 032, bem como o direito de greve dos servidores públicos.

13 visualizações0 comentário